Ironman Rio e Fortaleza: entrevista com Pierre Jr.

O site Todo Mundo Corre entrevistou o carioca Pierre Junior, militar de 35 anos que completou duas provas de Ironman nas últimas duas semanas, o Ironm

Em penúltima etapa do ano, XTERRA encaminha campeões dos rankings

O site Todo Mundo Corre entrevistou o carioca Pierre Junior, militar de 35 anos que completou duas provas de Ironman nas últimas duas semanas, o Ironman 70.3 no Rio de Janeiro – no dia 06 de novembro – e o Ironman 140.6, em Fortaleza – no domingo, 20/11.

 

TMC: Você pratica atividade física há quanto tempo?
Pierre Jr.: Desde muito cedo… Meu pai sempre foi um incentivador. Pratiquei futebol, judô, jiu-jitsu e capoeira quando criança. Fui atleta de futebol da Academia Militar das Agulhas Negras, após a formação, em 2003, comecei a praticar Orientação (corrida com mapa). Em 2008, fiz o curso de educação física do Exército e comecei a praticar outros esportes. Fui coordenador da arbitragem do Tiro Esportivo dos Jogos Mundial Militares no ano de 2011.

TMC: Você tinha um esporte favorito antes do triatlon?
Pierre Jr.: O meu esporte favorito era o futebol.

TMC: Quando você começou a praticar triatlon?
Pierre Jr.: Em 2011, comecei a praticar triatlon, fiz algumas provas curtas (Sprint), nos dois anos seguintes. A primeira prova longa, foi em 2014, o Ironman 70.3, em Brasília. Montei minha planificação e encarei esse desafio. No ano de 2014, fui designado para uma missão no exterior, morei 1 ano na Venezuela, onde conheci alguns amigos que praticavam triatlon, comecei a treinar numa equipe de lá e me envolvi mais nesse esporte. Nesse período, (2014 – 2015), fiz outras provas médias (distância Olímpica) e fiz duas provas de Ironman 70.3 (Ilha de Margarita e Chicago). Ainda em 2015, quando estava regressando ao Brasil, fiz o primeiro Ironman 70.3, aqui do Rio de Janeiro.

TMC: De quantas provas você já participou?
Pierre Jr.: Em torno de 4 provas Sprint, 4 Olímpica, 5 Ironman 70.3 e 1 Ironman 140.6.

Pierre Jr. Ciclismo Ironman Rio

Ciclismo no Ironman 70.3 Rio.

TMC: Como é sua rotina de treinos?
Pierre Jr.: No quartel, consigo ter 2h de atividade física de segunda a quinta, de 7h as 9h. Para provas de longa distância isso não é suficiente, assim sendo, em pelo menos 3 dias na semana treino à noite também. Normalmente pela manhã é corrida e à noite é natação ou Spinning. Nos fins de semana treino longo de bicicleta e/ou corrida. Moro no Recreio, e isso facilita muito, frequento uma academia com piscina aquecida que funciona até as 22h, tenho um local propício para nadar em alto mar e treinar Bike aos sábados, normalmente de 5h as 9h da manhã.

TMC: Treina com alguma assessoria, equipe ou personal?
Pierre Jr.: Nos dois últimos meses, entrei numa assessoria de triatlon chamada Cordella Team. O treinador, Cordella, é um triatleta experiente, tem algumas provas de Ironman no currículo e fez o curso de treinador de triatlon pela academia americana de Triatlon, com a marca Ironman.

TMC: Alguma mudança na sua rotina de treinos para estas duas últimas provas de Ironman?
Pierre Jr.: No início deste ano, fui convidado para ser o coordenador da arbitragem do Tiro Esportivo nas Olimpíadas e Paralimpíadas Rio 2016. Aceitei, mas foi um período bem agitado na minha vida: conciliar trabalho, especialização, triatlon, Olimpíada e esposa foi brabo. E ainda por cima já estava inscrito para as provas de Ironman 70.3, no Rio e 140.6, em Fortaleza. Na verdade, fui gerenciando o caos (rsrs). Nessa época não consegui treinar. Após as Paraolimpíadas priorizei os treinos e acabei fazendo meu melhor tempo no 70.3 (4h57min), dia 06/11.

TMC: Como foi participar de duas provas de Ironman num intervalo de duas semanas?
Pierre Jr.: Inicialmente foi bem desafiador, mas ao final, pude verificar que foi uma forma (muito cara) de preparação para a última prova.

TMC: Como você se sente quando está competindo?
Pierre Jr.: Em alguns momentos, muito feliz. Em outros, lutando o tempo todo comigo mesmo.

TMC: Em algum momento você se sente um “homem de ferro”?
Pierre Jr.: Kkkkkkkk. Não.

Pierre Jr. Chegada no Ironman 140.6 Fortaleza

Chegada no Ironman 140.6 Fortaleza

TMC: Comparando seu desempenho nas duas provas, você acha que a prova do Rio (70.3, em 4h57min) serviu como “aquecimento” para a prova de Fortaleza (140.6, em 11h10min)?
Pierre Jr.: Certamente.

TMC: Alguma história interessante sobre algo que tenha acontecido em uma ou nas duas provas que você gostaria de compartilhar conosco?
Pierre Jr.: Antes do 70.3 RJ, mexi no guidon, tentando diminuir minha silhueta durante o ciclismo, visando uma melhor aerodinâmica para enfrentar o vento forte do Rio. Não tive oportunidade de treinar nessa nova posição aerodinâmica, fazendo com que meu corpo sentisse após as 3h nessa posição. Assim, após o pedal, saí para correr com dores abdominais, aumentando assim meu tempo na corrida, bem como me deixando com um desconforto após a prova. O ensinamento foi que não devemos fazer modificações antes de qualquer prova, seja no material, na alimentação, ou até na técnica treinada. Resultado da lambança, corri me sentindo mal os 21 km e após a prova, voltei com o guidon para o mesmo lugar… (risos)

TMC: Sonha em participar do mundial no Havaí?
Pierre Jr.: É um sonho, muito distante, mas um dia, quem sabe? Como diz o slogan da prova, “Anything is possible”.

TMC: Depois de 3.800m de natação, 180km bike e 42km corrida, qual o tempo de descanso até retornar aos treinos?
Pierre Jr.: Uma semana. Esse sábado já volto a me divertir com os amigos do pedal. Final de “temporada” e esse mês de dezembro será apenas de trabalhos físicos leves, regenerativos.

TMC: Qual o seu próximo desafio?
Pierre Jr.: Vou participar do circuito “Rei e Rainha do Mar”, 10 de dezembro. Será 2,5 km no mar, apenas diversão com os amigos.

TMC: Qual seria sua mensagem de incentivo para os nossos leitores que desejam participar de um Ironman?
Pierre Jr.: Pratiquem esportes com frequência, busquem aquilo que os dê prazer. Procurem desafios e acreditem nos seus sonhos. Treinem com um profissional capacitado, acreditem em suas orientações e vençam uma etapa de cada vez. Não deixem de comemorar cada meta alcançada, o reforço positivo é o que nos faz seguir cada vez mais confiante. “Anything is possible”

Informações, sobre as distâncias do triatlon, fornecidas pelo atleta:
– Sprint (750m natação, 20km bike, 5km corrida)
– Olímpico (1500m natação, 40km bike, 10km corrida)
– 70.3 (1900m natação, 90km bike, 21km corrida)
– 140.6 (3800m natação, 180km bike, 42km corrida)

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 3
  • comment-avatar
    Pierre/Gelson 1 ano

    Roberta sou suspeito, mas ficou dez a matéria, que bom que vc se interessou e realizou esse excelente trabalho.

  • comment-avatar

    […] Confira a entrevista com o triatleta Pierre Jr. para o site Todo Mundo Corre […]

  • comment-avatar

    […] que completou as provas de Ironman 70.3, no Rio e 140.6 , em Fortaleza, mês passado. Confira a entrevista do triatleta ao site Todo Mundo […]